Campanha ‘Compartilhe o Natal’ visa atender crianças com deficiência

A campanha “Compartilhe o Natal” tem como meta beneficiar crianças com deficiência assistidas por entidades de Campo Grande. Segundo a coordenadora e idealizadora da campanha, a promotora de Justiça Jaceguara Dantas da Silva Passos, a meta é igualar a marca de nove mil brinquedos arrecadados em 2016.

“O que torna esta campanha tão especial, creio, é porque toda arrecadação é destinada às crianças com deficiências. Isso mexe muito nos corações das pessoas. O fim do ano traz aquele espírito de solidariedade, o povo se une para ajudar o próximo e o número maior de parceiros traz uma credibilidade à campanha. Neste ano, teremos novos parceiros, como os colégios Paulo Freire, Auxiliadora e Dom Bosco”, destaca a promotora.

A iniciativa do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) busca mobilizar a sociedade, órgãos públicos e iniciativa privada para doação de brinquedos, roupas, entre outros presentes para crianças e adolescentes de diversos abrigos assistenciais do Estado.

O coordenador do Centro de Apoio Operacional dos Direitos Constitucionais do Cidadão e Direitos Humanos, Francisco Neves Junior, disse que pequenas ações podem significar muito e resultar no sorriso de várias crianças neste Natal.

Doações podem ser entregues até dia 11 de dezembro em 24 postos de coleta

“A campanha tem o intuito de arrecadar brinquedos, mas, mais do que isso, a iniciativa também tem o contexto social de incluir as crianças, ou seja, dar visibilidade a esta questão que é muito delicada. O Ministério Público abraça esta causa, em especial por lutar por uma sociedade mais igualitária e inclusiva”, frisou.

No primeiro ano, em 2015, as doações foram encaminhadas para 14 entidades. Já no ano de 2016, nove entidades foram contempladas, mas como a arrecadação acabou sendo maior, outras instituições também foram contempladas nas duas edições. As doações podem ser entregues até o dia 11 de dezembro, em 24 postos de coleta espalhados na cidade.

Parceira da campanha desde a primeira edição, a Plaenge é um dos postos de coleta. A gerente regional, Ada Maria de Lima, destaca a importância da campanha para tornar mais feliz o Natal de muitas crianças.

“A Plaenge procura apoiar sempre iniciativas como esta. Desde 2015 nos colocamos junto ao Ministério Público para tornar o Natal das crianças ainda mais feliz”, destaca.

A Plaenge conta com um posto de arrecadação, sendo na Central de Decorados, na Avenida Via Parque, esquina com a Mato Grosso.

‘Este pouquinho se torna muito’, diz presidente da Apae

No lançamento da campanha “Compartilhe o Natal”, o presidente da Apae Campo Grande (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Antônio José dos Santos, que representou as entidades, reforça que as crianças atendidas são muito carentes e que muitas vezes não têm condições de ganhar brinquedos.

“Isso proporciona uma alegria muito grande até para a família. Para nós é muito gratificante e temos de agradecer o Ministério Público pela iniciativa”, agradece.

O presidente da Apae diz que não é apenas no fim do ano que as entidades necessitam de ajuda. “Hoje, para continuar trabalhando, dependemos muito de convênios. Isso se torna muito difícil. Este tipo de ação temos de ressaltar, porque, se cada um ajudar, este pouquinho acaba se tornando muito. Vai ajudar milhares de pessoas envolvidas somente nesta ação”, finaliza.

O MP quer atender este ano dez instituições.

Texto: Bruno Arce/O Estado MS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s